Deputado Sérgio Vieira desmente jornal: "Nunca disse que Suzano quebrou economia de Açailândia, mas sim que estamos buscando solução para o desemprego"

15:31



O Deputado Sergio Vieira em contato com este noticioso negou declaração atribuída a sua pessoa pelo Jornal do Maranhão, que destaca em capa que o parlamentar havia declarado que a Empresa Suzano estava quebrando a economia de Açailândia. Conforme matéria publicada no site oficial da Assembleia Legislativa, o deputado nunca fez tal declaração. Abaixo o discurso transcrevido pela Agência Assembleia.

“Nós estamos muito preocupados com a questão do desemprego e não vamos descansar; enquanto tivermos voz não vamos deixar que uma empresa adquira terras na cidade de Açailândia e não gere empregos. Por que não as empresas do município de Açailândia prestar serviço para a Suzano? Nós precisamos desenvolver não só a cidade de Açailândia, precisamos lutar para que toda região seja atendida por aquela grande empresa. Sabemos das necessidades econômicas e financeiras de uma empresa se manter, mas sabemos também, que essa empresa tem que ter a sua responsabilidade social, gerando empregos. O povo não pode sofrer ainda mais com o desemprego", afirmou.

O Jornal também cita o Deputado Estadual Léo Cunha como parte ativa na busca por soluções para a falta de emprego na cidade de Açailândia. Quando na verdade o referido deputado não faz parte de qualquer busca por benefícios para o município.

Durante o encontro do Deputado Estadual Sérgio Vieira e o Vereador Heliomar, com o diretor de Relações Institucionais Mauro Rangel, na sede da Suzano em Imperatriz, registrado por esse Blog, o Deputado Estadual Léo Cunha não estava presente. E não conhece se quer o projeto elaborado pelo Vereador Heliomar para criação de uma cooperativa para garantir o emprego de pessoas do município. 

Além disto, o diretor de Relações Institucionais da Suzano, Mauro Rangel,
declarou ainda que a empresa busca formas de empregar a mão de obra dispensada pela Queiroz Galvão, quando esta decidiu vender sua área. Por tanto, segundo o deputado Sérgio Vieira, tal declaração de que a Suzano está quebrando a economia de Açailândia nunca foi dada por ele a qualquer meio de comunicação. 

A declaração de quem quer que tenha partido de que a Suzano está quebrando a economia da cidade é leviana e inverídica. Visto que a Queiroz Galvão é uma empresa privada, por tanto, se em algum momento decidiu vender sua área, estava dentro de seu direito como empresa. A Suzano como qualquer empresa busca expandir suas operações, transações deste tipo são comuns no mercado financeiro. 

A mão de obra dispensada era qualificada para trabalhar com ferro, a Suzano trabalha com madeira. E os parlamentares Sérgio Vieira e Heliomar Laurindo seguem buscando junto a empresa formas de reaproveitar essa mão de obra, inclusive com novas reuniões agendadas com a diretoria da Suzano.

Leia Também:

0 comentários